PUB

Política

Aprovada por unanimidade a proposta de criação da região administrativa da Boa Vista

A Assembleia Municipal (AM) da Boa Vista autorizou hoje, por unanimidade, a criação da região administrativa deste município.

A câmara municipal representada pelo edil, José Luís Santos, e os eleitos das três bancadas acreditam que a proposta para a criação das regiões administrativas vai trazer “grandes ganhos” no desenvolvimento económico da Boa Vista e garantir “maior estabilidade” política, económica e social, gerando “maiores oportunidades” para criação de riqueza, emprego e rendimento.

“Ao aprovar a deliberação da criação das regiões administrativas de Cabo Verde, em particular da Boa Vista, a AM deu um passo importante, no desenvolvimento da própria ilha. Deu-se também um passo importante, na aproximação dos  munícipes aos poderes políticos”, disse o líder da bancada municipal, do MpD na sua declaração de votos.

Para Paulo Santos, a criação da região administrativa da “Ilha das Dunas” representa ganhos “significativos”, no sentido de ter os serviços mais próximo das pessoas.

O líder ventoinha assegurou que com a implementação da proposta do Governo, o município vai decidir onde e como implementar os recursos que gera e terá o poder de decidir sobre matérias importantes como educação, formação, emprego, saúde e sobretudo no domínio da habitação.

Paulo Santos finalizou a sua intervenção, agradecendo a unanimidade na aprovação dessa proposta, reforçando que Boa Vista sai a ganhar e que a regionalização vai trazer um conjunto de meios financeiros, materiais e de recursos humanos, permitindo o desenvolvimento sustentável desta ilha.

Em representação da bancada do PAICV, Sérgio Corá sustentou que o seu partido votou favorável à proposta, dando o seu contributo para a criação de várias repartições do Estado na ilha e na esperança de que se possa implementar um sistema de redução de custos na Administração Pública e a transferências de mais recursos por toda ilha.

Por sua vez, o líder da bancada do Basta sublinhou na sua declaração de votos, que a sua bancada não podia de forma alguma votar contra essa deliberação, tendo em conta que são representantes do povo e com maioria na AM. “Votamos a favor, porque entendemos que essa proposta trará ganhos significativos para Boa Vista”, disse.

Hianique Santos é também de opinião que essa proposta vai resolver a reclamação da falta de proximidade entre o poder central e a população.

A discussão e aprovação da proposta da criação das regiões administrativas acontece em todas as assembleias municipais de Cabo Verde, a pedido da Assembleia Nacional.

Inforpress

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top