PUB

Sociedade

Santa Catarina: Centro de Apoio Integrado acolhe instituições para a reativação da Rede Sol

O Centro de Apoio Integrado em Assomada, Santa Catarina, acolheu esta terça-feira, 28, uma reunião das instituições ligadas ao combate à violência baseada no género para a reativação da Rede Sol.

Institucionalizada em 2006, a Rede Sol tem como principal objetivo prestar apoio de qualidade às vitimas de VBG com celeridade, segurança, e a eficácia possível facilitando nos encaminhamentos, atendimento personalizado e adequado.

Segundo a psicóloga Nascimento Fortes, o objetivo do encontro é a restruturação e a capacitação dos respetivos técnicos de atendimento com o fito de retomar um bom funcionamento da rede.

“A estratégia é trabalhar com os parceiros locais, instituições e ONG’s como forma de dinamizar a rede para que esta não retoma a sua desativação. O encontro de hoje, enquadra no sentido de fazer um trabalho em articulação e sinergia como forma de impulsionar a rede” salienta Fortes.

Por seu turno, o ICIEG, segundo Katia Marques, diz estar disponível uma casa de passagem na ilha de Santiago e uma casa de abrigo na ilha do fogo como forma de dar resposta às vítimas por um certo período de tempo ajudando-as a recuperar a autoestima.

“Neste momento temos uma casa a funcionar na ilha do Fogo, temos duas estruturas montadas na Praia, estamos na fase de recrutamento para o funcionamento. Garantimos que nenhuma vítima em situação de perigo fique desamparada, isso porque temos parceiros da rede que nos ajuda no financiamento de pensões e hotéis para o amparo de vítimas até que seja restruturada a família conforme a decisão da mesma” ressalta Marques.

A Rede Sol conta com a parceria de algumas instituições como a Polícia Nacional, Delegacias de Saúde, Ministério Público, Aldeias SOS entre outros.

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top