PUB

Mundo

Guiné-Bissau: Protecção Civil estima 850 mil euros para reabilitar danos do temporal

A Protecção Civil da Guiné-Bissau estimou em cerca de 850 mil euros os custos para reabilitar habitações e outros edifícios danificados pelo temporal, que se registou na quarta-feira.

Num comunicado à imprensa sobre um novo balanço dos danos provocados pelo temporal – e a que a Lusa teve acesso -, a Protecção Civil refere que os “custos de reabilitação se elevam a 850 mil euros” e que o “Governo apela para a participação de todos”, incluindo o “sector privado e sociedade civil, para apoiar as pessoas atingidas pelo mau tempo”.

Os novos dados provisórios divulgados pela Protecção Civil  bissau-guineense referem que cerca de duas mil famílias, num total de 11 mil 541 pessoas, foram afectadas pelo mau tempo, que provocou três mortos e a destruição de 420 habitações.

Segundo a Proteção Civil, a tempestade tropical que atingiu a Guiné-Bissau ficou marcada por ventos fortes, com rajadas entre os 80 e os 120 quilómetros/hora.

No terreno, continuam equipas da Protecção Civil a fazer levantamento de danos.

O Governo de Aristides Gomes anunciou, entretanto, a criação de uma estrutura para dar apoio às vítimas do mau tempo.

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top