PUB

Mundo

Faleceu Winnie Mandela, ex-Primeira Dama da África do Sul

A militante e activista sul-africana, que lutou contra o apartheid, Winnie Madikizela-Mandela, morreu, na tarde desta segunda-feira, 02  aos 81 anos, segundo declarou uma assistente pessoal à rede britânica BBC.

A antiga primeira dama da África do Sul, nasceu em 1936 em Bizana, na África do Sul. Era a quarta dos oito filhos que Columbus e Gertrude, os pais, tiveram. Gertrude morreu quando Winnie tinha apenas nove anos: a família desmembrou-se e os oito filhos foram separados e colocados a viver com parentes. Apesar das limitações que o país africano impunha à educação das crianças negras, mudou-se para Joanesburgo depois de terminar a escola secundária, com o objetivo de estudar serviço social. Licenciou-se na Jan Hofmeyr School em 1956 e alguns anos depois terminou o mestrado em relações internacionais, já na Universidade de Witwatersrand.

Divorciou-se de Nelson Mandela em 1996.

Winnie e Nelson se casaram em 1958, seis anos antes de ele ser condenado à prisão perpétua pelo regime de minoria branca.

Durante os 27 anos de prisão de Mandela, Winnie continuou com o combate, passou pela prisão, prisões domiciliares e confinamentos numa localidade afastada de todos. O casal se divorciou dois anos depois que Mandela se tornou o primeiro Presidente negro do país.

Winnie ressaltava a sua importância na luta do ex-marido, que se tornou um ícone na defesa da igualdade racial, enquanto ele esteve preso. “Se eu não tivesse lutado, Mandela não teria existido. O mundo inteiro o teria esquecido e ele teria morrido na prisão como queriam as pessoas que o prenderam”, declarou em entrevista concedida ao jornal francês “Le Journal du Dimanche”, em 2013.

Em 1991, ela foi condenada por cumplicidade no sequestro de um jovem militante à pena de prisão, comutada por uma multa. Também foi condenada por fraude em 2003.

Conhecido como “Madiba” na África do Sul, Nelson Mandela foi foi um dos principais responsáveis pelo fim do regime racista do apartheid, vigente entre 1948 e 1993. Mandela esteve no poder de 1994 a 1999 e morreu aos 95 anos, em Pretória.

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top