PUB

Economia

Cabo Verde faz história: Primeiro país a beneficiar de um II Compacto MCC

Depois de 12 anos de cooperação com o “Millenium Challenge Corporation” (MCC) dos Estados Unidos da América (EUA), através de dois compactos distintos que sobreviveram à mudança política, Cabo Verde ficará para a história daquela instituição norte-americana pelo sucesso alcançado na implementação e conclusão dos projectos. Um reconhecimento com direito a celebração em Boston, junto da extensa comunidade cabo-verdiana.
A cidade de Boston foi palco no passado dia 11 de Janeiro da cerimónia oficial de encerramento do II Compacto MCA-Cabo Verde. O evento que contou com a presença da ministra da Justiça e Trabalho de Cabo Verde, Janine Lélis, em representação do Governo, marca a chegada ao fim de mais um pacote de financiamento do governo norte-americano, cuja aplicação prática do programa foi concluída a 30 de Novembro de 2017.
Cabo Verde é, assim, o primeiro país no mundo a beneficiar de um segundo compacto no quadro dos fundos do MCC. Durante cinco anos, entre 2012, altura em que teve início o segundo compacto, e 2017, altura do término, Cabo Verde voltou a merecer a confiança do Executivo dos EUA, agora liderado por Donald Trump, para levar a cabo importantes reformas no sector da água e saneamento, através do Projecto Água Saneamento e Higiene  (WASH), e o Projecto de Gestão de Propriedades para a Promoção do Investimento (LAND), um iniciativa que trouxe grandes conquistas a nível da segurança jurídica, para o registo e transacção de propriedades, tido como um dos grandes “handicaps” a nível do investimento privado, em vários municípios do país. Dois projectos com efeitos multiplicadores a nível do crescimento económico e combate à pobreza, em diversos domínios.
Leia mais na edição 451 do Jornal impresso A Nação.

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top