PUB

Sociedade

São Filipe: Tribunal aplica prisão preventiva a duas mulheres apanhadas com drogas

O tribunal da comarca de São Filipe aplicou como medida de coacção a prisão preventiva a duas mulheres apanhadas com drogas na noite de sexta-feira na cidade de Cova Figueira, na primeira noite das festividades do Dia do Município.
Uma das envolvidas é natural da ilha de Santiago e outra do bairro de Beltchés, São Filipe, e uma terceira pessoa envolvida, uma menor de 14 anos, filha da mulher natural de Santiago vai ser encaminhada para um centro na Cidade da Praia para aguardar o desenrolar do processo.
Uma pessoa que foi surpreendida a usar cocaína por agentes da Polícia Nacional terá revelado a pessoa que lhe terá vendido a droga, facto que levou a polícia a deter mãe e filha e a amiga na posse de certa quantidade de drogas, presumivelmente cocaína, pedra e tacos de padjinha.
A audição para a legalização de prisão decorreu durante a tarde de sábado e só terminou por volta das 20:00 com o juiz a determinar a prisão preventiva às duas mulheres e o encaminhamento para o centro da menor de idade.
As duas mulheres devem ser encaminhadas para a cadeia central de São Martinho, na ilha de Santiago, tendo em conta que a cadeia regional de São Filipe não dispõe de espaços apropriados para receber reclusos do sexo feminino, já que a ala feminina foi desactivada há cerca de cinco anos.
Uma das envolvidas no tráfico estava sob mira das autoridades policiais há vários anos.
Além deste caso, a primeira noite das festividades do Dia do Município de Santa Catarina e do 10º aniversário da sua elevação a categoria de município decorreu sem incidentes de maior, segundo dados disponibilizados pela esquadra de Santa Catarina.
Fonte: Inforpress

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top