PUB

Sem categoria

Destaques da edição 413 do Jornal A NAÇÃO

ELEIÇÕES’2016: CLIMA TENSO NA MAIORIA DO PAICV
A reunião da “maioria” (Governo, Grupo Parlamentar e Comissão Política Nacional do PAICV), realizada no passado sábado, 25, na “Quinta da Montanha”, em Rui Vaz, foi “explosiva”. De acordo com fonte do  A NAÇÃO, José Maria Neves entrou em confrontação, uma vez mais, com a líder Janira Hopffer Almada, que considera que está a ser posta de lado nos actos presididos pelo Primeiro-Ministro.
LEGISLATIVA’2016: JÚLIO CORREIA “REPESCADO” PARA SANTIAGO SUL
A Comissão Política Regional do PAICV de Santiago Sul vai avançar com o nome de Júlio Correia para um lugar de destaque na lista dessa região política para as próximas eleições legislativas. O anúncio foi feito por Felisberto Vieira no decorrer do retiro da maioria no passado fim de semana, na “Quinta da Montanha”, em Rui Vaz (no concelho de São Domingos).
AUTÁRQUICAS’2016: RUI SEMEDO “DESPACHADO” PARA CÂMARA MUNICIPAL DA PRAIA
A Comissão Política Regional do PAICV de Santiago Sul vai avançar com o nome do ministro Rui Semedo como candidato a presidente da Câmara Municipal da Praia (CMP).
De acordo com uma fonte bem posicionada, como Rui Semedo não tem espaço na lista de Santiago Sul, a alternativa é colocá-lo com candidato à presidência da CMP.
SÃO VICENTE: JOÃO GOMES MAIS PERTO DE ENCABEÇAR MPD NAS LEGISLATIVAS
O advogado e coordenador do MpD em São Vicente, João Gomes, deve ser confirmado em breve como o cabeça de lista desse partido para as legislativas de 2016. Só ajustes de última hora poderão colocar outra pessoa no lugar que em 2011 foi ocupado por Jorge Santos e que agora, ao que tudo indica, será “devolvido” para Santo Antão.
SANTO ANTÃO: CENTRAL ÚNICA MAIS CARA “POR TEIMOSIA” DA ELECTRA
A Central Única de Santo Antão vai sair mais cara aos cofres públicos por causa dos trabalhos para a rede subterrânea na estrada que liga Porto Novo à Janela. Um custo adicional que poderia ser evitado caso a Electra, empresa de energia e água, tivesse respeitado o alerta dado por vários técnicos no sentido de se colocar os tubos com os negativos por altura da construção da referida estrada, cuja inauguração deu-se em 2009.
ESTADO DA NAÇÃO: DEBATE MAIS UMA VEZ A “PRETO E BRANCO”
A questão dos transportes inter-ilhas, com realce para a situação da TACV, e as sucessivas greves registadas nos últimos dias, com enfoque na situação laboral na Polícia Judiciária (PJ), deverão sobrepor-se aos temas tradicionais do debate sobre o Estado da Nação, que acontece esta sexta-feira, 31, na última plenária deste ano parlamentar. O PAICV fala de “confiança e auto-estima” e a oposição diz que a situação é “difícil e crítica”.
ECONOMIA: SECTOR PRIVADO DEVE 8 MILHÕES DE CONTOS AO FISCO
Há quem defenda que temos um sector privado nacional “possível”, face às condicionantes do ambiente de negócios e políticas públicas de incentivos e fiscalidade.  Porém, a culpa não morre solteira do lado dos empresários. Segundo informações da Direcção Nacional das Receitas do Estado, em exclusivo ao  A NAÇÃO, a dívida do sector ao fisco atinge os oito milhões de contos, para duas mil 360 empresas “caloteiras”. Mesmo assim, as pequenas e médias empresas nacionais são responsáveis pela maior fatia de emprego no país. Sem elas, o cenário económico seria bem pior.
BANCA: CLIENTES ACUSAM CAIXA ECONÓMICA DE DESCASO
Clientes da Caixa Económica de Cabo Verde utilizadores do cartão Vinti4 e ATMs estão descontentes com as falhas e anomalias verificadas no sistema. Alguns dos visados contam que viram subtraídos dinheiro das suas contas e, apesar de terem apresentado reclamações, junto do banco e da SISP, o problema continua por resolver.
O Jornal  A NAÇÃO nº 413, que chega às bancas nesta quinta-feira, 30 de Julho, comporta, ainda, os cadernos VALOR e um Especial sobre o ESTADO DA NAÇÃO, assim como as colunas de Margarida Fontes, João Lopes Filho, Natacha Magalhães e Filinto Elísio.

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top