PUB

Sem categoria

Destaques da edição 393 do Jornal A NAÇÃO

PARLAMENTO: ESTATUTO DE TITULARES DE CARGOS POLÍTICOS VAI AVANÇAR “CONTRA TUDO E TODOS”
O projecto de lei que aprova o estatuto dos titulares de cargos políticos vai mesmo avançar. A actual líder “tambarina”, Janira Hopffer Almada, é contra, mas os dois grupos parlamentares, do PAICV e do MpD, estão decididos a cumprir o acordo estabelecido no quadro da reforma do Parlamento e que passou pela anuência prévia de José Maria Neves e Ulisses Correia e Silva.
PRESIDENCIAIS’2015: JMN DIZ QUE “A PORTA NÃO ESTÁ NEM ABERTA, NEM FECHADA”
José Maria Neves deixou, pela primeira vez, a porta entreaberta para as eleições presidenciais de 2016. O ex-líder do PAICV, que sempre, de forma categórica, afirmava que estava fora das suas cogitações avançar com uma candidatura à Presidência da República, desta feita vacilou. Admitiu que “a porta não está nem aberta, nem fechada”.
SÃO VICENTE: PAICV EM “BRIGA” POR PROTAGONISMO ELEITORAL
O líder do PAICV em São Vicente está sob crítica dos seus camaradas por anunciar a escolha do cabeça de lista do partido para as autárquicas de 2016 em São Vicente até finais Março. Alcides Graça é acusado também de fazer fuga em frente para impor uma possível candidatura sua, quando fala em evitar primárias. Mas Graça diz que apenas fez uma “leitura sensata” daquilo que se pede ao partido e nega as acusações.
MISSÃO DO FMI: RISCOS DE SOBRE-ENDIVIDAMENTO E IFH PREOCUPAM
O FMI (Fundo Monetário Internacional), na sua missão realizada na semana passada a Cabo Verde, previu um aumento do PIB (Produto Interno Bruto) na ordem dos três por cento em 2015, mas deixou vários avisos à navegação: entre eles, a questão da dívida pública, que pode tornar-se incomportável e a necessidade de se implementar políticas de apoio ao sector privado. O IFH (Imobiliária, Fundiária e Habitat) começa a preocupar e o FMI mantém o alerta em relação à TACV e à Electra.
ENSINO: UNI-CV ACUSA GOVERNO DE DAR”GOLPE” À UNIVERSIDADE PÚBLICA
O Conselho da Universidade de Cabo Verde considera ilegal e um golpe para o ensino superior público o novo Regime Jurídico das Instituições do Ensino Superior (RJIES). Isso porque esse decreto-lei não só retira à essa universidade autonomia para alterar os seus próprios estatutos como foi aprovado sem que fossem ouvidos os dirigentes das IES, como manda a lei.
YARA AZEVEDO: UMA ESTRELA QUE NASCE NOS PALCOS DO MINDELO
Cantora, poetisa e actriz de teatro são apenas alguns talentos que se podem apontar a Yara Azevedo. Uma jovem de 17 anos cujos “antecedentes” familiares podem justificar toda essa veia artística, sendo bisneta do grande poeta cabo-verdiano, Pedro Corsino de Azevedo.
Esta edição nº 393, do Jornal A NAÇÃO, que chega às bancas nesta quinta-feira, 12 de Março, traz, também, o habitual Caderno ETC., assim como as colunas de Filinto Elísio e de Paulo Mendes.

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top