PUB

Zig Zag

ZIG ZAG: Germano e a língua materna

Germano Almeida deu a um jornal português mais uma entrevista controversa sobre a língua cabo-verdiana. Para o escritor boavistense com o crioulo não se vai para além das ilhas. Não se ficou a saber se o homem é a favor ou contra a oficialização do crioulo. Enquanto isso, alguns intelectuais fizeram um verdadeiro arrasta-rabos, não faltando a opinião de um exmarqueteiro político de JMN, por sinal português, contra o “nacionalismo cabo-verdiano”. Chamado para este debate, ZIG diz que nem com o crioulo nem com o português vamos longe. E se a intenção é realmente ir longe o melhor mesmo é nos tornarmos num país de língua inglesa. E esta, hein?

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top