PUB

Santiago

Tarrafal de Santiago: apreendidos 104 litros de bebidas de “péssima qualidade”

A Inspecção Geral das Actividades Económicas (IGAE), a Direcção da Fiscalização da Câmara Municipal do Tarrafal de Santiago e a Polícia Nacional levaram a cabo, durante o fim-de-semana, uma operação de controlo de espaços de lazer no município.

Nesta acção as autoridades competentes debruçaram-se sobre o controlo do horário de funcionamento de bares, pubs, tabernas, restaurantes e discotecas, bem como no controlo da poluição sonora, que tem tirado o direito ao sossego e a tranquilidade dos munícipes e turistas e no controlo da venda das bebidas alcoólicas.

Em resultados destas operações, foram autuados grande parte dos estabelecimentos por não afixarem e nem cumprirem os horários de funcionamento, por promoverem poluição sonora nas zonas habitacionais e residenciais, em tons susceptíveis de causar incómodos, e por comercializarem aguardente e seus derivados (ponches e licores) de produção ilegal.

As bebidas derivadas do aguardente foram quase todas apreendidas nos estabelecimento em que os clientes apresentam quadro de alcoolismos e de outros problemas relacionados com consumo de bebidas alcoólicas de péssima qualidade. Os produtos apreendidos estão quantificados em 104 litros e avaliados em 38 000$00.

Os estabelecimentos autuados serão alvo de processos de contra-ordenação, incorrendo em coimas de 5 000 $00 (cinco mil escudos) a 1 000 000 $00 (um milhão de escudos).

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top