Home » Actualidades » Cabo Verde desce uma posição no ranking da competitividade mundial – passa da 110ª posição para a 111ª

Cabo Verde desce uma posição no ranking da competitividade mundial – passa da 110ª posição para a 111ª

Em termos do mercado da CPLP, entre os países avaliados, Portugal encontra-se na 34ª posição, sendo o mais bem posicionado, seguido do Brasil na 72ªposição, Moçambique na 133ªposição e Angola na 137ª posição.

Cabo Verde desceu uma posição no ranking da competitividade mundial.

O relatório do World Economic Forumdivulgado hoje coloca Cabo Verde na 111ª posição com 50.2 pontos, + 0.4 do que no relatório do ano passado, onde o arquipélago encontrava-se na 110ª posição.

Este relatório este ano usa uma nova metodologia para apurar a dinâmica da economia global com foco na” Quarta Revolução Industrial”, entre 12 pilares para tentar avaliar a eficiência e produtividade dos 140 países abrangidos pelo ranking.

Quanto aos diferentes pilares que compõem o relatório, as melhores classificações verificaram-se nos pilares “Sistema Financeiro” (score: 57; rank: 75 º) e “Instituições Públicas” (score: 51; rank 79ª), contrabalançando com aos pilares de “Dinamismo do Negócio” (score: 44; rank: 131º),“Capacidade de Inovação” (score: 21; rank: 137º) “Dimensão do Mercado” (score: 17; rank:138º).

Cabo Verde conseguiu, contudo, vigorar no top 10 do grupo dos países da África subsariana.

No contexto desse grupo, dezassete das 34 economias estudadas estão entre as 20 melhores, e a média da região (45.2) é menos do que a metade da fronteira. As ilhas Maurícias (49ª, 63.7) lidera a região, à frente da África do Sul, e está quase 30 pontos e 91 posições do Chade (140º, 35.5).

O Quênia está na 93ª posição com uma pontuação de 53.7, enquanto a Nigéria está na 115ª posição, com uma pontuação de 47.5 de 100 possíveis.

No que diz respeito aos resultados globais, o ranking é liderado pelos EUA, com uma pontuação de 85.6 de 100 possíveis. Em segundo vem Singapura e em terceiro lugar a Alemanha. Na cauda, estão o Chad, Yemen e o Haiti.

Em termos do mercado da CPLP, entre os países avaliados, Portugal encontra-se na 34ª posição, sendo o mais bem posicionado, seguido do Brasil na 72ªposição, Moçambique na 133ªposição e Angola na 137ª posição.

PartilheTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Email this to someone

Comentário

Publicidade