Home » Actualidades » Porto Novo: Polícia apanha pescador em flagrante com quatro tartarugas

Porto Novo: Polícia apanha pescador em flagrante com quatro tartarugas

As autoridades encaminharam os detidos para as estâncias competentes.

A polícia de Porto Novo deteve, na madrugada de hoje, um pescador e mais três homens, em flagrante, na posse de quatro tartarugas, que depois acabaram por falecer devido aos vários ferimentos provocados pelos captores.

As fotografias tiradas no local falam por si e mostram os ferimentos na cabeça e outras partes do corpo, provocados pela violência com que foram espancadas até à morte.

Ao que tudo indica, tratam-se de tartarugas ainda jovens, que provavelmente iam fazer a primeira postura de desova este ano.

Segundo uma fonte do A NAÇÃO, as tartarugas foram capturadas nas praias de “Apipa” e “Panela quente” e foram encontradas já dentro de uma viatura pela polícia.

A polícia deteve a viatura em causa e os quatro homens que se encontravam na mesma.

Os detidos foram encaminhados para as estâncias competentes.

Conforme a nova lei de protecção de tartarugas que criminaliza a captura e comércio de carne de tartaruga, Cabo Verde tem tentado agir contra os prevaricadores e, inclusive, já foram tornados públicos vários casos em que os infratores estão a ser penalizados com as coimas previstas na lei.

GC

Nota: As imagens podem chocar os leitores mais sensíveis.

                  

PartilheTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Email this to someone

Comentário

Publicidade