PUB

Sociedade

Acidente mortal em Achada Fora: condutor sob Termo de Identidade e Residência

O Tribunal da Comarca de Santa Catarina aplicou como medida de coação Termo de Identidade e Residência (TIR), interdição de saída do país e apresentação periódica no tribunal,  ao jovem condutor “Dilainy”, de 18 anos, envolvido no acidente de viação na madrugada de 27 de julho, na localidade de Achada Fora, a caminho da vila da Ribeira da Barca, em Santa Catarina de Santiago.

O jovem não estava habilitado com carta de condução e foi apresentado ao tribunal na tarde desta segunda-feira,30.

Recorde-se que do acidente resultou dois mortos e cinco feridos, um dos quais ainda se encontra internado no HAN, em estado de coma.

Conforme noticiou na altura A NAÇÃO online, tudo aconteceu por volta das três horas da madrugada, quando regressavam da festa de “Nha Santana” em Achada Lém.

O Mitsubishi L200 que transportava 12 passageiros capotou, provocando então a morte dos dois jovens conhecidos por Rivaldo e Sidy.

Os dois jovens morreram no local e os cinco feridos graves foram evacuados para o Hospital Agostinho Neto, na cidade da Praia.

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top