PUB

Política

MNE português visita Cabo Verde na próxima semana

O ministro dos Negócios Estrangeiros português, Augusto Santos Silva, desloca-se na próxima semana a Cabo Verde no âmbito de uma visita de Estado para passar em revista a cooperação e analisar a próxima presidência cabo-verdiana da CPLP.
A informação foi avançada esta quinta-feira aos jornalistas, na cidade da Praia, pelo ministro dos Negócios Estrangeiros e Comunidades cabo-verdiano, Luís Filipe Tavares.
“Temos um Plano Estratégico de Cooperação (PEC IV) de 120 milhões de euros e vai ser uma oportunidade de passar em revista a cooperação entre Portugal e Cabo Verde”, disse Luís Filipe Tavares.
A visita decorre segunda e terça-feira, 29 e 30 de janeiro, e inclui as ilhas de São Vicente e Santiago.
O chefe da diplomacia portuguesa chega ao início da tarde de segunda-feira à ilha de São Vicente, onde irá inaugurar as obras de reabilitação do Liceu Gil Eanes, que foram financiadas por Portugal.
Em São Vicente estão ainda previstas deslocações à Escola Portuguesa e ao Escritório Consular de Portugal no Mindelo.
Na terça-feira, o ministro dos Negócios Estrangeiros estará na cidade da Praia, ilha de Santiago, onde será recebido pelo Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, e participará na inauguração de uma pequena ETAR [estação de tratamento de águas residuais] construída com apoio português.
Luís Filipe Tavares disse ainda, que no âmbito da visita, será assinado o programa de cooperação para a área da justiça, no âmbito do PEC IV.
“Vamos passar em revista todos os dossiers que temos em cima da mesa. Portugal é um parceiro estratégico de Cabo Verde, as nossas relações são excelentes e a visita é também um momento de celebração das relações entre Portugal e Cabo Verde”, sublinhou o ministro.
A presidência da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP), que Cabo Verde assume a partir de julho, será outro dos assuntos a discutir, segundo o ministro cabo-verdiano.
“Há uma proposta luso-cabo-verdiana em matéria de mobilidade que vamos voltar a discutir. A proposta é interessante e temos que a partilhar com os demais estados membros”, disse.
Na cidade da Praia, Augusto Santos Silva irá ainda proferir uma conferência sobre “Língua Portuguesa e Diplomacia”, promovida pelo Instituto Internacional de Língua Portuguesa (IILP).
Portugal e Cabo Verde assinaram em fevereiro de 2017, na cidade da Praia, o Programa Estratégico de Cooperação – 2017-2020, com o valor indicativo de 120 milhões de euros, mais do dobro do anterior programa que tinha um valor indicativo de 56 milhões de euros.
O programa abrange setores como o da justiça, saúde, ação social, energia, ambiente ou a segurança.
Lusa

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top