PUB

Sem categoria

Destaques da edição 431 do Jornal A NAÇÃO

PROGRAMA “CASA PARA TODOS”
PASSOS COELHO DESBLOQUEIA VERBA ANTES DE IR PARA OPOSIÇÃO
O Governo português acaba de avalizar a adenda para a prorrogação do contrato da linha de crédito do programa de habitação social ‘Casa para Todos’, que havia expirado a 27 de Janeiro último. Esta foi uma das últimas acções do executivo de Pedro Passos Coelho, que deu luz verde a esse arranjo, que já tinha sido aprovado, em Agosto, último, pela Caixa Geral de Depósitos.
ENTRE 200 e 2014
PRODUÇÃO HORTÍCOLA TRIPLICA
A produção de hortícolas quase que triplicou entre o ano 2000 e 2014. Já ultrapassa as 40 mil toneladas fixadas no Plano Estratégico de Desenvolvimento Agrícola. Na leitura da directora-geral da Agricultura e Desenvolvimento Rural, Carla Tavares, o salto deve-se à mobilização da água, novas tecnologias de rega e de produção, uso de enrgias renováveis, entre outros.
ANTÓNIO MONTEIRO, LÍDER DA UCID
“O DINHEIRO CONTA, E MUITO, PARA SE GANHAR AS ELEIÇÕES”
A UCID quer ser a terceira força política no país. Esta aspiração e manifestada pelo líder desse partido, António Monteiro, que acredita numa melhoria significativa, em termos de score eleitoral, dos democratas cristãos nas legislativas de 2016. António Monteiro diz ainda que a UCID vai lutar “taco a taco” para eleger a maioria dos deputados em São Vicente. Monteiro garante que a UCID viabilizará qualquer Governo em situação de minoria no Parlamento
AUTÁRQUICAS’2016
FRANCISCO TAVARES “DESCARTADO” PELO MPD PARA SANTA CATARINA
O MpD não vai apostar na candidatura de Francisco Tavares para um terceiro mandato na Câmara Municipal de Santa Catarina (no interior de Santiago). O desgaste provocado por sucessivos casos, que em nada abonam para imagem da edilidade, é uma das principais causas de uma acentuada rejeição de Francisco Tavares pelos eleitores. Na calha estão quatro pré-candidatos ao cadeirão de Santa Catarina.
NO FOGO
EUGÉNIO VEIGA PREPARA CORRIDA À CÂMARA DE SÃO FILIPE
Eugénio Veiga, ex-edil de São Filipe (na ilha do Fogo), deverá entrar na corrida às autárquicas 2016, na tentativa de retomar os destinos dessa edilidade da ilha do Fogo, que liderou durante vinte anos (1992-2012). A informação já circula nos meios políticos e sociais, porém, quando abordado pelo A NAÇÃO, o visado “não confirma, nem desmente” os rumores…
Fazem ainda parte desta edição do Jornal A NAÇÃO, nº 431, que já está nas bancas desde as primeiras horas desta quinta-feira, 03 de Dezembro, um Especial sobre Barragens & Agro-Negócios, o habitual Caderno ETC., a par das opiniões de António Neves, Arsénio Fermino de Pina e José Pedro “Djopan” Oliveira, e da coluna de Marciano Moreira.

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top