PUB

Política

PAICV manifesta solidariedade para com o povo francês e a comunidade cabo-verdiana

O Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV) manifestou hoje a sua solidariedade para com o povo francês e a comunidade cabo-verdiana residente em França, na sequência dos atentados de sexta-feira que mataram 129 pessoas.
Através de um comunicado enviado hoje à imprensa, o partido que sustenta do Governo condenou “veementemente os actos de terrorismo”, sublinhando que pela sua gravidade “demanda uma comunhão de esforços”.
“O PAICV lamenta profundamente a perda de vidas humanas e transmite às famílias das vítimas as suas mais sinceras condolências e a sua profunda solidariedade, perante este acto intolerável e reprovável a todos os títulos”, refere o comunicado do secretariado da comunicação do partido.
No documento, o PAICV condena ainda o uso toda e qualquer forma violência como meio para a resolução de qualquer divergência que exista entre os diferentes actores e apela para que haja no mundo maior tolerância a todos os níveis.
Na última sexta-feira foram registadas várias explosões na cidade de Paris, os ataques ocorreram em pelo menos seis locais diferentes da cidade, entre eles uma sala de espectáculos e o estádio nacional, onde decorria um jogo de futebol entre as selecções de França e da Alemanha.
De acordo com o último balanço feito pelos hospitais, das 415 pessoas que foram atendidas nos hospitais após os ataques, pelo menos 42 feridos continuavam no domingo à tarde em vigilância intensiva em unidades de reanimação.
De entre os feridos consta um cabo-verdiano, que de acordo com informações oficiais encontra-se fora de perigo.
A França decretou o estado de emergência e restabeleceu o controlo de fronteiras na sequência daquilo que o Presidente François Hollande classificou como “ataques terroristas sem precedentes no país”.
Fonte: Inforpress

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top