PUB

Cultura

“Tchindas” destacado com prémio de melhor longa metragem pelo júri da Outfest

O filme “Tchindas”, que conta a história dos homossexuais e transexuais da ilha de São Vicente, e a sua envolvência no carnaval de Mindelo, foi destacado com o prémio de Melhor Longa Metragem pelo júri da Outfest no Meet the Filmmakers, nos Estados Unidos.
“Tchindas” foi exibido na passada quarta-feira, 15, naquele que seria a primeira participação de um festival de cinema, depois que os autores da longa metragem terminaram as filmagens e as montagens.
Um dia depois do público e do júri ter assistido ao documentário de cerca de 95 minutos, os autores disseram que as reações foram “óptimas” e considerado uma “pérola” e “uma história marcante”.
“Muitos risos e suspiros, e uma boa onda que partiu de Cabo Verde para os Estados Unidos. Numa conferência após a projeção, os assistentes colocaram várias questões sobretudo para saberem mais coisas da filmagem e das personagens”.
“Tchindas”, foi feito por um grupo de espanhóis Marc Serena (jornalista) , Pablo Garcia (realizador), Yolanda Olmos (produtora executiva), produtora (Doble Banda) e tem como figura principal um dos transexuais mais conhecidos de Cabo Verde, de nome próprio, Alcindo Andrade que quando assumiu a sua homossexualidade mudou o nome para Alcinda e todos a conhecem por “Tchinda”. CG
 
 

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top