Home » Actualidades » PAICV à procura de candidato para presidência da Câmara do Sal

PAICV à procura de candidato para presidência da Câmara do Sal

O Sector do PAICV na ilha do Sal já tem em aberto o processo para a escolha de um candidato “forte” às eleições autárquicas, mas escusa-se por enquanto em avançar possíveis nomes à disputa da presidência da Câmara Municipal do Sal

O Sector do PAICV na ilha do Sal já tem em aberto o processo para a escolha de um candidato “forte” às eleições autárquicas, mas escusa-se por enquanto em avançar possíveis nomes à disputa da presidência da Câmara Municipal do Sal.

Lembrando que esta iniciativa ocorre ao abrigo das formalidades estatutárias, o coordenador do PAICV na Região Política do Sal, Nelson Figueiredo explicou hoje em conferência de imprensa, que a Comissão Política local quer com esse procedimento permitir a todos os interessados, a possibilidade de participarem nesse processo.

Nesta medida, aponta que os militantes em pleno gozo dos seus direitos civis e políticos para com a estrutura partidária, poderão apresentar a sua candidatura, nos termos estatutários, como candidato do PAICV, às próximas eleições autárquicas que acontecem em 2016.

Questionado se há alguém no seio do partido a manifestar essa intenção, Nelson Figueiredo responde negativamente, escusando-se, também, a indicar possíveis nomes que poderão assumir esse desafio.

“Todo esse processo deverá culminar na escolha de um bom candidato do PAICV à Câmara Municipal do Sal, suportado por uma excelente equipa, capaz de levar o partido às vitórias nos próximos embates autárquicos de 2016”, assegurou.

Entretanto, Nelson Figueiredo foi avançando que caso houver mais do que um candidato, o PAICV vai fazer todos os esforços para que haja uma lista única e forte, de consenso municipal, apostando numa equipa tecnicamente “forte e capaz” de enfrentar as dificuldades e os novos desafios e projectos de desenvolvimento para a ilha do Sal.

“Com muito trabalho e uma forte convicção na vitória nas autárquicas de 2016 estaremos em condições de relançar o desenvolvimento da ilha do Sal que neste momento encontra-se numa inércia total”, asseverou.

Fonte: Inforpress

PartilheTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Email this to someone

Comentário

Publicidade