PUB

Política

Estados insulares africanos apoiam candidatura de Cristina Duarte à presidência do BAD

O Presidente da República de Cabo Verde, Jorge Carlos Fonseca, garantiu esta terça-feira, na cidade da Praia, que há um apoio «unânime» dos Estados insulares africanos em torno da candidatura de Cristina Duarte ao cargo de presidente do Banco Africano de Desenvolvimento (BAD).
Jorge Carlos Fonseca avançou ainda que dos contactos estabelecidos com alguns dos seus homólogos, à margem da 24ª Cimeira dos Chefes de Estado e de Governo da União Africana, que aconteceu entre 23 e 31 de janeiro, em Addis Abeba, Etiópia, notou «muita simpatia» à volta da candidatura de Cristina Duarte.
Este sentimento foi manifestado pelo facto de Cabo Verde ser um país sem pretensão de hegemonia e com pouca presença de personalidades na direção dos organismos internacionais.
A União Africana declarou 2015 como o ano do «empoderamento das mulheres e do desenvolvimento rumo à agenda africana para 2063». Devido a essa situação, o Presidente da República lembra que Cristina Duarte «é a única candidata feminina e nunca houve uma mulher a presidir o BAD, que também nunca teve uma pessoa originária de um país insular à sua frente».
O chefe de Estado cabo-verdiano considera, no entanto, que o processo de candidatura é «extremamente complexo» porque há vários turnos, «o que quer dizer que, numa primeira votação, algumas candidaturas vão ficar arredadas e Cabo Vede tem todo o interesse de passar dessa primeira fase».

Adicionar um comentário

Faça o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB

PUB

To Top