Home » Actualidades » PTS é contra a criação do MindelGolfe & Resort nos terrenos do Clube de Golfe do Mindelo

PTS é contra a criação do MindelGolfe & Resort nos terrenos do Clube de Golfe do Mindelo

Esta posição vem na sequência das pretensões da actual direcção do Clube de Golfe de vender aquele património histórico da ilha de São Vicente.

O Partido do Trabalho e da Solidariedade (PTS) é contra a criação do MindelGolfe & Resort nos terrenos do Clube do Golfe do Mindelo. Esta posição, segundo aquele partido, vem na sequência das pretensões da actual direcção do Clube de Golfe de vender aquele património histórico da ilha de São Vicente.

O tema da transformação dos terrenos do clube de golfe (cerca de 306 hectares) num resort privado já se arrasta desde 2007, altura em que a direção de então decidiu formar uma “sociedade” denominada MindelGolfe & Resort, SA com um promotor português.

Segundo o PTS, “todo o processo foi crivado de irregularidades, devidamente combatidas, até onde foi possível, por um grupo de sócios que se opôs, e opõe-se, a essa negociata”.

Sabendo que a actual direcção, que tomou posse em Dezembro de 2017, estará, alegadamente, a afirmar que vai executar esse projecto e entregar esse património nas mãos de um investidor madeirense pelo preço de 22ECV/m2, o PTS diz tratar-se de um perigo iminente aos superiores interesses do povo.

Entretanto, numa conferência de imprensa, a realizar-se nesta segunda-feira, o PTS vai anunciar o projecto Parque da Cidade do Mindelo, que deverá ser apresentado ao presidente da Câmara de São Vicente, como alternativa à alienação irregular do património em causa.

“O projecto Parque da Cidade servirá como o fundamento jurídico para a expropriação, por interesse público, dos terrenos afectos ao Clube de Golfe (todos os 306 hectares), com carácter de urgência, com vista a eliminar os perigos que pairam sobre o dito património público e, também, para que se dê ao povo Mindelense uma área verde única em todo o país, onde ele pode ir passear, recrear-se, descansar e pensar”, escreve o PTS.

PartilheTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Email this to someone

Comentário

Publicidade