Home » Actualidades » Prémio Internacional Miriam Makeba: Prazo de candidatura alargado até 20 de Outubro

Prémio Internacional Miriam Makeba: Prazo de candidatura alargado até 20 de Outubro

O vencedor do Prémio Internacional da Criatividade Artística Miriam Makeba vai ser contemplado com uma recompensa monetária de cem mil dólares (aproximadamente nove mil e 400 contos).

O prazo para o envio de inscrições ao Concurso do Prémio Internacional Miriam Makeba, lançado em Cabo Verde pela Sociedade Cabo-Verdiana de Música (SCM), foi alargado até o dia 20 de Outubro. O vencedor, que receberá o prémio de cem mil dólares, será conhecido na primeira semana de Novembro. O objectivo é promover a arte africana, em todas as suas formas de expressão. Podem concorrer todos os artistas africanos residentes no continente, com idade superior aos 18 anos.

O vencedor do Prémio Internacional da Criatividade Artística Miriam Makeba vai ser contemplado com uma recompensa monetária de cem mil dólares (aproximadamente nove mil e 400 contos), que conta com o Alto Patrocínio do Presidente da Argélia, Abdelaziz Bouteflika. É a I Edição, mas é um Prémio que se pretende que seja anual, com o principal propósito de promover a arte africana, em todas as suas formas de expressão.

O prazo de envio das candidaturas, que terminava a 31 de Agosto, conforme a presidente da SCM, Solange Cesarovna, foi alargado para até 20 de Outubro.

“Depois do início da sua divulgação – nos diversos países africanos -, recebemos várias solicitações para que houvesse mais tempo para os artistas prepararem o melhor dossiê. O anúncio do vencedor é na primeira semana de Novembro”, revela ao A NAÇÃO, Solange Cesarovna.

A criação deste Prémio, instituído pela Sociedade de Gestão Colectiva argelina “Office Nacional des Droits d’Auteurs et Droits Voisins (ONDA), foi anunciada durante o Fórum de Criadores Africanos, em Setembro do ano passado, pelo ministro da Cultura da Argélia.

Concorrentes

O galardão é aberto a todas as expressões artísticas, ou seja, são elegíveis trabalhos das mais diversas áreas, entre elas: obras musicais, literárias, artes plásticas, arte fotográfica e cinematográfica.

Podem concorrer a este Prémio, todos os artistas africanos residentes no continente, com idade superior aos 18 anos. Um dos objectivos é permitir que os artistas que usam a arte africana como meio, “possam expressar as suas ideias e comunicar as suas mentes e serem melhor ouvidos e mostrar as suas criações”, bem como incentivar o talento e a criatividade.

O participante deve apresentar um documento de identidade e/ou autorização de residência quando viver num país africano que não seja o seu de origem, bem como uma descrição do seu projecto artístico e/ou obra.

As candidaturas podem ser enviadas por correio, num envelope fechado, ao: “Sr. Presidente do Júri do Prémio Internacional de Criatividade Artística Miriam Makeba”, através do endereço: “Office National du Droit d’Auteur et des Droit Voisins (ONDA), 49 rue Abderrezak HAMLA 16000 – Bologhine – Alger, Algérie, ou por email prix.myriam.makeba@onda.dz”.

“Uma grande homenagem!”

Segundo Solange Cesarovna, “este Prémio é uma grande homenagem” que a ONDA pretende fazer a Miriam Makeba, “uma das maiores expoentes da cultura” e da cidadania africana.

“Foi, sem dúvida, uma das vozes emblemáticas da música africana, mas, também, uma activista cultural muito empenhada na luta incansável para que tivéssemos uma África melhor. Convido a todos os criadores para conhecermos melhor a história desta grande mulher”, apela a presidente da SCM.

O Júri é formado por personalidades de diversas expressões linguísticas da África. Qualquer língua é elegível.

Solange Cesarovna é um dos elementos do júri e a SCM assumiu a responsabilidade de divulgar o Prémio, não só em Cabo Verde, como, também, na África Lusófona.

Cesarovna acredita que os artistas cabo-verdianos dispõem de todas as condições para ganharem este Prémio.

ACN

PartilheTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Email this to someone

Comentário

Publicidade