Home » Actualidades » Pescador captura tubarão em vias de extinção : Biosfera I quer mais fiscalização

Pescador captura tubarão em vias de extinção : Biosfera I quer mais fiscalização

A associação Biosfera 1 condena a perda de mais uma espécie rara, que vem mais uma vez evidenciar a falta de sensibilização para a preservação da biodiversidade

Um pescador do Tarrafal de Santiago capturou, ao que tudo indica, por puro prazer, um tubarão Raposa na noite da passada segunda-feira, na praia “Mar di Baxu”, Tarrafal.

Este tubarão é uma espécie em vias de extinção e protegida tanto a nível nacional como internacional.

As fotos do pescador empoleirado em cima do tubarão, já morto, correram as redes sociais, com criticas devido à forma como o tubarão foi capturado e que depois acabou por morrer em terra, uma vez que se encontrava no mar à noite perto da costa, não oferecendo perigo para ninguém.

Ao que tudo indica eram dois tubarões, um macho e uma fêmea, sendo que este último de 3,5 metros de cumprimento foi morto pelo pescador enquanto o outro conseguiu fugir.

A associação Biosfera 1 condena a perda de mais uma espécie rara, que vem mais uma vez evidenciar a falta de sensibilização para a preservação da biodiversidade.

Tomy Melo, presidente dessa associação alerta que esta espécie de tubarão não pode ser capturada, ainda mais numa “pesca de prazer”, quando o animal podia “perfeitamente ser lançado ao mar, novamente”.

De acordo com a Biosfera 1 existem leis que condenam essa prática no país.“Temos que tomar medidas mais severas, e proteger a biodiversidade, sempre que tem casos desse género não se regista nenhuma ocorrência, o que é grave”, lamenta Tomy Melo.

Contactada a esquadra policial do Tarrafal, foi-nos dito que não tiveram conhecimento do sucedido.

RG

PartilheTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Email this to someone

Comentário

Publicidade