Home » Saude » Mensagem da Dr.ª , Directora Regional da OMS para a Região Africana por ocasião do Dia Mundial do Doador de Sangue, 14 de Junho de 2018

Mensagem da Dr.ª , Directora Regional da OMS para a Região Africana por ocasião do Dia Mundial do Doador de Sangue, 14 de Junho de 2018

O tema deste ano centra-se na dádiva de sangue como um acto de solidariedade: “Esteja disponível para ajudar o próximo. Dê sangue. Partilhe a vida”.

Todos os anos, a 14 de Junho, a Região Africana junta-se à comunidade mundial para comemorar o Dia Mundial do Doador de Sangue. O tema deste ano centra-se na dádiva de sangue como um acto de solidariedade: “Esteja disponível para ajudar o próximo. Dê sangue. Partilhe a vida”.

Este tema chama a atenção para os gestos de bondade dos dadores de sangue regulares e voluntários para com os doentes necessitados, e incentiva as pessoas a preocuparem-se umas com as outras através da dádiva de sangue. O dia é também uma oportunidade para agradecer aos dadores de sangue voluntários e não remunerados as suas dádivas de sangue que salvam vidas e para motivar as pessoas com boa saúde que nunca deram sangue a começarem a fazê-lo, especialmente os jovens.

As transfusões de sangue salvam vidas. Ajudam os doentes que sofrem de doenças potencialmente fatais a viverem mais tempo, melhoram a qualidade de vida e ajudam as intervenções médicas e cirúrgicas complexas. Possuem um papel essencial e salvam vidas nos cuidados maternos e infantis e durante as respostas de emergência a catástrofes, assim como em acidentes e traumatismos rodoviários. As dádivas de sangue seguras têm um papel vital na oferta de cuidados eficazes e imediatos a doentes que necessitam. É desta forma que qualquer pessoa pode estar disponível para ajudar o próximo – ao dar sangue e partilhar a vida.

Na Região Africana, embora os países tenham realizado progressos significativos para melhorar a disponibilidade e a segurança do sangue, a procura por transfusões de sangue está a aumentar. A Região não está a satisfazer as suas necessidades de sangue, e muitos doentes que necessitam de transfusões estão a morrer devido à sua escassez.

O abastecimento adequado de sangue seguro apenas pode ser garantido através de dádivas regulares, voluntárias e não remuneradas. Lanço um apelo aos países para que apoiem as dádivas de sangue voluntárias como um acto de solidariedade para todos e que garantam que os serviços nacionais de transfusão de sangue possuem um financiamento sustentável para os programas de segurança do sangue. Incentivo os Ministérios da reforçarem os serviços nacionais de transfusão universal ao sangue seguro.

Ao comemorarmos o Dia Mundial do Dador de Sangue, quero agradecer a todos os dadores voluntários de sangue e incentivá-los a continuarem a oferecer regularmente esta dádiva valiosa, de modo a garantirmos que existe um abastecimento de sangue suficiente para todos os doentes. Quero felicitar e expressar o meu apoio às associações de dadores de sangue e a outras organizações não-governamentais, e a todos quantos trabalham para disponibilizar sangue seguro nas unidades de cuidados de saúde.

O Escritório Regional da OMS para a África irá continuar a apoiar todas as iniciativas com vista a garantir que o sangue seguro e produtos do sangue estejam disponíveis para todos. Esteja disponível para ajudar o próximo. Dê sangue. Partilhe a vida.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

PartilheTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Email this to someone

Comentário

Publicidade