Home » Actualidades » Gaudino Cardoso desvincula-se do MpD

Gaudino Cardoso desvincula-se do MpD

Cardoso aponta que “razões de ordem pessoal” estão na base desta decisão.

Passados mais de 26 anos a militar pelo MpD, e “após várias e profundas reflexões”, Gaudino Cardoso pediu para se desvincular do partido. Numa carta dirigida aos responsáveis ventoinhas, Cardoso aponta que “razões de ordem pessoal” estão na base desta decisão.

“Com vista a eu ficar mais coerente com os meus princípios e valores e, consequentemente, a estar em melhores condições de exercer a minha cidadania e também a melhor servir a minha Nação, sinto-me coagido a me desvincular do MpD – Movimento para a Democracia”, escreve Gaudino Cardoso no documento que este On-line teve acesso.

Cardoso foi membro da Comissão Política na Região da Grande Lisboa (1992-1993). Posteriormente foi eleito membro da Direcção Nacional do MpD (na Convenção de 1994). Foi também Coordenador deste Partido no Concelho de Santa Catarina de Santiago (de 1994 a 1998), e Director de campanha nas Eleições Autárquicas de 1996, no mesmo Concelho.

PartilheTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Email this to someone

Comentário

Publicidade