Home » Actualidades » Sal: Comandante da PN suspenso após declarações polémicas 

Sal: Comandante da PN suspenso após declarações polémicas 

O superintendente Elias Silva vai ainda responder a um processo disciplinar. 

O Comandante Regional da Polícia Nacional do Sal acaba de ser suspenso das funções. Isto depois de Elias Silva ter, no início desta semana, afirmado na Comunicação Social que as leis cabo-verdianas são amigas das armas.

O superintendente Elias Silva vai ainda responder a um processo disciplinar. O mesmo recebeu ainda guia de marcha para regressar à base, na cidade da Praia.

Em declarações à imprensa, proferidas nesta sexta-feira, 13, em Mindelo, o ministro da Administração Interna, Paulo Rocha fez saber que nesta matéria só tem uma coisa a dizer: “Polícia não critica Justiça”.

“Não há mais nada a dizer, pois a instituição policial tem regras próprias as quais deve seguir”, completou Paulo Rocha admitindo que, se for necessário alterar para reforçar alguns dispositivos em matéria da posse de arma, o Governo assim o fará.

Elias da Rosa Silva tomou posse a 14 de Setembro de 2017 como novo Comandante Regional da Policia Nacional na ilha do Sal. Antes desempenhou as funções de Chefe da Divisão de Estudos e Planeamento na Direcção de Operações da Polícia Nacional.

GSF

PartilheTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Email this to someone

Comentário

Publicidade