Home » Actualidades » São Vicente: Adelino Duarte, novo delegado da DGD, “Retomar parcerias e juntar modalidades”

São Vicente: Adelino Duarte, novo delegado da DGD, “Retomar parcerias e juntar modalidades”

Adelino Duarte é o novo delegado da Direcção-Geral dos Desportos (DGD) em São Vicente. “Didi”, como é mais conhecido, traça como metas a junção das modalidades, bem como a busca de parcerias para o desporto na Ilha do Monte Cara.

Adelino Duarte foi empossado, no passado dia 17 de Dezembro, no cargo de delegado da Direcção-Geral do Desporto em São Vicente pelo Ministro Fernando Elísio Freire, tutela do sector. Antigo treinador da equipa de andebol do Atlético, Didi sucede a César Lima, actual presidente da Associação Regional de Futebol.

A NAÇÃO sabe que não foi fácil convencer o novo delegado da DGD em São Vicente a aceitar o cargo, tendo em conta que Didi vê-se a si próprio como “um activo” mais ligado ao ensino e a certas modalidades e, ademais, a função, segundo ele, “carrega uma enorme responsabilidade”. Foi preciso que o próprio titular da pasta interviesse no processo para convencê-lo, depois de algumas recusas dadas a outros responsáveis que o abordaram no mesmo sentido.

“O ministro Fernando Elísio Freire disse-me que eu não tenho, necessariamente, que abandonar o meu campo de acção habitual, até porque sou um activo da formação também”, diz Adelino Duarte, dando a entender que se vai manter ligado à parte técnico-formativa do andebol, abrindo, porém, mão da ligação que tinha aos clubes, por se tratar, esta de uma “incompatibilidade” com o cargo que passa agora a desempenhar.

Juntar modalidades e atrair parceiros

O novo delegado da DGD em São Vicente estabeleceu como um das suas metas congregar as modalidades existentes na ilha. Um outro objectivo é recuperar e, nalguns casos, conquistar parcerias em prol do sector desportivo, com realce para as empresas.

“O desporto é uma actividade onde os ganhos não são financeiros. Dão-se em termos de saúde e da população activa, que, posteriormente, vai trabalhar e fazer São Vicente ter um levantamento financeiro. Portanto, obviamente, precisamos de parcerias para isso e as empresas podem ajudar-nos nisso”, defende.

Neste sentido, Adelino Duarte avança que há que haver também um empenho particular do governo através da DGD, bem como uma concertação a nível local com as várias entidades ligadas ao desporto. Numa palavra, diz, “os atletas, treinadores e dirigentes também desempenham um papel importante neste esquema, para potenciar o aumento de praticantes nas várias modalidades”.

Formado em educação física, Adelino Duarte é professor dessa disciplina na Escola Secundária José Augusto Pinto. Este é, à partida, um domínio onde se sente mais à vontade, nomeadamente, na tal busca de parceiros para a promoção do desporto em São Vicente. “Juntamente com as escolas é necessário, dependendo da sua disponibilidade, aglomerar o maior número de professores de educação física e alunos em eventos desportivos”, defende.

(Leia mais na edição nº 540, de 18 a 24 de Janeiro de 2018)

PartilheTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Email this to someone

Comentário

Publicidade