Home » Actualidades » 33,4% da população da Ribeira Brava é pobre e a taxa de desemprego atinge os 12,6%

33,4% da população da Ribeira Brava é pobre e a taxa de desemprego atinge os 12,6%

Os dados são do Instituto Nacional de Estatística de Cabo Verde e mostram ainda que também 33,4% dos habitantes têm um computador em casa e 16,6% um tablet.

Com uma população estimada em 7 .108 habitantes, a população da Ribeira Brava representa apenas 1,3% da população total de Cabo Verde. Desses 7.108 habitantes, 33,4% são pobres.

Os dados relativos a 2016 foram avançados pelo INE de Cabo Verde e constam de um boletim estatístico revelado ontem no âmbito do Dia do Município, assinalado no passado dia 6 de Dezembro.

Segundo o INE, a população daquele concelho da ilha de chiquinho tem vindo a diminuir ao longo dos últimos anos. Enquanto em 2000 havia 8.467 habitantes, 16 anos depois Ribeira Brava passou a ter 7.108 residentes.

Desses 7.108 residentes, 53,1% são homens e 46,9% mulheres. A idade média da população ronda os 34 anos de idade, mas 32,1% tem entre 35 e 64 anos de idade.

Quanto à taxa de alfabetização o INE revela que na população com 15 ou mais anos é de 90,7%, mas sobe para 98,5% entre os jovens dos 15 aos 24 anos de idade.

Os dados mostram ainda que cerca de 9,2% da população da Ribeira Brava nunca frequentou nenhum nível de instrução escolar, enquanto 62,5% tem o ensino básico, 31,4% o secundário e 3,7% o ensino superior.

Relativamente ao mercado de trabalho o INE avança com uma taxa de desemprego que ronda os 12,6%, mas avança que a taxa de ocupação da população activa com 15 ou mais anos é de 42%. Porém, o desemprego jovem entre os 15 e os 24 anos de idade atinge os 44,3%.

No que toca às condições de vida, 95% dos 2.423 agregados familiares tem acesso à electricidade, 87,2% tem acesso à água canalizada, 83,4% têm casa de banho e 90,7% usa gás para cozinhar.

Os dados do INE mostram também que 33,4% dos habitantes têm um computador em casa e 16,6% um tablet.

GC

PartilheTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Email this to someone

Comentário

Publicidade