Home » Actualidades »  EUA disponibiliza fundos de emergência para mitigar efeitos da seca em Cabo Verde

 EUA disponibiliza fundos de emergência para mitigar efeitos da seca em Cabo Verde

Disponibilizados 50.000 dólares do Fundo de Assistência Internacional para Desastres (IDA)

 

O Embaixador dos Estados Unidos da América em Cabo Verde, Donald L. Heflin declarou a existência de uma situação de emergência, devido aos efeitos da seca prolongada e em resposta já disponibilizou 50.000 dólares do Fundo de Assistência Internacional para Desastres (IDA) a fim de apoiar na resposta às necessidades das populações afectadas em Cabo Verde.

Segundo informações do Governo, condições de seca severa em 2017 aumentaram o risco para aproximadamente 70.000 pessoas, ou seja, 15 por cento da população de Cabo Verde, poderá enfrentar sérios problemas em termos de meios de subsistência e acesso a alimentos.

A situação de seca tem piorado as condições de vida dos animais face ao reduzido poder de compra dos criadores e pastores, enquanto cresce o êxodo das populações rurais vulneráveis para as zonas urbanas à procura de alimentos e outros serviços básicos.

Com esses recursos pretende-se essencialmente apoiar na implementação de projectos para ajudar a assegurar a protecção dos animais e a gestão sustentável dos recursos naturais, principalmente da água, apoiando imediatamente os esforços do Governo na mitigação dos efeitos da seca.

“Estou muito preocupado com o mau ano agrícola e suas consequências junto de agricultores e criadores de gado “disse o Embaixador Donald L. Heflin durante uma visita ao concelho de Santa Catarina onde esteve com as comunidades de Achada Grande e Fonte Lima para recolher informações concretas e saber mais sobre como a comunidade internacional pode ajudar as famílias.

Os Estados Unidos da América são o maior doador mundial de ajuda humanitária e têm uma longa história de cooperação com Cabo Verde. Ofereceram ajuda humanitária de emergência e assistência económica a Cabo Verde no período imediatamente a seguir à independência de Cabo Verde, bem como em situação de catástrofes naturais, aquando do furacão que atingiu a ilha da Brava, em 1982, das erupções do vulcão do Fogo em 1995 e 2014, e ainda da inundação da Ilha de S. Nicolau, causada pelas fortes chuvas de Setembro e Outubro de 2009.

O instituto de Apoio/Assistência a Desastres no Exterior (OFDA) é o órgão da USAID responsável por facilitar e coordenar a assistência do Governo dos Estados Unidos no estrangeiro. O OFDA responde a todos os tipos de desastres naturais, incluindo terramotos, erupções vulcânicas, ciclones, inundações, secas, incêndios, infestações por parasitas e surtos de doenças. Além da assistência em situações de emergência, o OFDA financia actividades de mitigação de forma a reduzir o impacto dos desastres naturais recorrentes.

PartilheTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Email this to someone

Comentário

Classificados