Home » Cultura » Festival Santa Maria começa a movimentar ilha do Sal

Festival Santa Maria começa a movimentar ilha do Sal

Pela primeira vez, o festival, tem transmissão em directo na TCV.

A 27ª edição do Festival da Praia de Santa Maria, na ilha do Sal, acontece nos dias 15 e 16 de Setembro, sob o lema “Bandeira Azul”. Enquadrado nas festas do dia do município, o certame leva ao Sal um leque de artistas reconhecidos a nível nacional e internacional.

A duas semanas do festival da Praia de Santa Maria, o evento já começa a movimentar a ilha do Sal, com bandas e artistas confirmados e a logística delineada. Está tudo a postos, segundo o vereador Hermínio Monteiro. E do leque de artistas, destaca a cantora Maria Alice, natural da ilha do Sal e residente em Portugal, como cabeça de cartaz.

Enquadrado no dia do município do Sal, que se celebra a 15 de Setembro, nesta edição, o Festival da Praia de Santa Maria será realizado sobre o tema da “Bandeira Azul”, galardão atribuído às praias que reunirem condições especificas de qualidade, informação, educação, conservação ambiental, segurança, serviços e infraestruturas de apoio.

Neste sentido, realçando a urgência em mudar o figurino em relação à situação da praia de Santa Maria e da cidade turística, Hermínio Monteiro diz que a luta vai ser no sentido de trabalhar a mentalidade das pessoas.

“Desencadear um conjunto de actividades à volta da Bandeira Azul, envolvendo as pessoas com vista a fazer entender, sobretudo, da importância de cuidarmos da nossa praia. Já estamos a fazer essa intervenção, introduzindo um conjunto de medidas para manter a praia limpa e maior segurança aos banhistas”, admite.

Valorizar artistas nacionais

Hermínio Monteiro anunciou a presença no certame de um grupo de músicos do Sal, a que se denominou “Veterânia”, formado por Maninho Almeida, Nhelass Spencer, Panota, Paton e Nelson Delgado, actuando depois da Banda Municipal, que faz a abertura do evento.

Outra novidade é a participação de grupos carnavalescos locais, designadamente Gaviões, Horto Morro, Patchê Parloa, Maravilhas do Sul e Crioula África, que deverão apresentar as melhores músicas que animaram os desfiles do carnaval na ilha.

Lugar também reservado a alguns artistas locais, como Djila Silva, Marisia Santos, Clóvis do Rosário, Alcione, Dany Lopes, Maguy Spencer, Lizender e Mirri Lobo, a par de um espaço dedicado a artistas da diáspora, representado por Fantcha, Jaqueline Fortes, Dudu Araújo, Maria Alice, Nancy Vieira, Dany Silva, Diva Barros, Jennifer Soledad e Justino Delgado.

Sendo assim, no dia 15 actuam a Banda Municipal (Djilinha Silva, Marisia Santos, Clóvis do Rosário, Alcione, Dany Lopes, Margarida Spencer, Lizender, Mirri Lobo), seguem-se Carminho, Cordas do Sol, Kino Cabral, Zé Delgado, Beto Dias, Gil Semedo, Grace Évora, Justino Delgado, Matias Damásio, e Djodje que encerra o primeiro dia.

Já no dia 16, passam pelo palco o grupo Veterânia(Maninho Almeida, Nhelas Spencer, Panota, Paton, Nelson Delgado), seguem-se Ilha Onze (Maria Alice, Fantcha, Jaqueline Fortes, Dudu Araújo, Dany Silva, Diva Barros, Jennifer Solidad), Golp d´ Letra e Young Pc, Tralha Carnaval (Gaviões, Patche Parloa, Horto Morro, Maravilhas do Sul, Criol África), Bulimundo, Paulo Gonzo e Dynamo. O reggae-man alemão Gentleman encerra a 27ª edição.

Pela primeira vez, o festival, tem transmissão em directo na TCV.

PartilheTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Email this to someone

Comentário

Classificados