Home » Cultura » Palácio da Cultura organiza workshop “Rap krioulo como arma de intervenção sócio-cultural”

Palácio da Cultura organiza workshop “Rap krioulo como arma de intervenção sócio-cultural”

Para além da partilha de experiência, pretende-se apresentar uma nova visão do rap crioulo para a sua valorização cultural e social.

“Rap krioulo como arma de intervenção sócio-cultural” é tema de um workshop organizado pelo Palácio da Cultura Ildo lobo (PCIL), a acontecer nos dias 10 e 11 (quarta e quinta-feira). O evento decorre das 18H30 às 20H30, no edifício sito no Platô, cidade da Praia.

Segundo uma nota do ministério da Cultura e das Industrias Criativas, o workshop tem como convidados pessoas que estão ligadas ao movimento hip hop e que utilizam o rap como forma de intervenção social. Os convidados devem partilhar a sua experiência, vivência e conhecimentos, bem como o contributo que têm dado à sociedade, através do rap.

O workshop é moderado pela bailarina Bety Fernandes e tem como objectivo descodificar o rap crioulo, desmistificar os conceitos ligados ao rap, mostrar como, quando e onde surgiu esse estilo musical e qual a sua vertente.

O PCIL pretende realizar este tipo de workshop uma vez por mês e, posteriormente, alargar a iniciativa para outros bairros e ilhas.

Ainda de acordo com a nota, para além da partilha de experiência, pretende-se apresentar uma nova visão do rap crioulo para a sua valorização cultural e social, mostrar um novo paradigma desse estilo musical mais realista e o seu impacto na sociedade cabo-verdiana.

A entrada para participar neste workshop é livre.

AN

 

PartilheTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Email this to someone

Comentário

Classificados