Home » Actualidades » Ana Barber: “CVTI está disponível para ser aliada na concretização de negócios entre a China e PLP”

Ana Barber: “CVTI está disponível para ser aliada na concretização de negócios entre a China e PLP”

Cabo Verde está aberto ao investimento estrangeiro, como forma de desenvolver o país, mas sem que a lógica dos negócios ponha em causa as questões sociais e culturais.

Ana Bárber, presidente da Cabo Verde TradInvest, garante que Cabo Verde, assim como a agência de investimentos que preside, estãos disponíveis para serem aliados na concretização de negócios entre a China e PLP.

Essa foi uma das garantias deixadas durante o XII Encontro de Empresários para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e os Países da Língua Oficial Portuguesa (PLP) que termina este domingo, na capital de Cabo Verde.

Com a tónica no desenvolvimento sustentável, Ana Bárber alertou, porém, que “a lógica dos negócios não deve nunca prevalecer sobre as questões culturais e sociais” de cada um dos países.

“Temos de avançar na busca por solucções negociações favoráveis, sem perdermos de vista que cada decisão deve levar em conta a soberania das nossas nações e compromissos internacionais e o crescimentos sustentável das nossas economias”, disse.

A presidente da CVTI destacou ainda que a “atracção do mercado externo para as nossas empresas, produtos e serviços abre-nos novas janelas de oportunidades”, mostrando que Cabo Verde está aberto ao investimento estrangeiro, como forma de desenvolver o país.

“No domínio económico e financeiro temos como preocupações essenciais o crescimento económico, o aumento do rendimento e do emprego ancorados na produtividade e competitividade das empresas e nas exportações”.

Neste contexto, garante que o país pode “propiciar” aos participantes do encontro “novas potencialidades de investimento no sector do turismo, economia do mar, nas industrias, nas energias renováveis, hubs de serviços, hub de operações aéreas no Atlântico”, tornando Cabo Verde “num ponto atrativo do ponto de vista logístico e estratégico nos acordos de cooperações internacionais.

“A CVTI está à disposição para ser aliada na concretização de negócios entre a China e PLP, criando condições necessárias e oportunas para favorecer a cooperação entre a China e a comunidade lusófona”.

Ana Bárber espera que do encontro saiam oportunidades para “caminhos promissores que certamente trarão mais crescimento económico, mais produção de riqueza e a redução das desigualdades sociais” entre a China e os PLP.

GC

 

 

PartilheTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Email this to someone

Comentário

Notícias Relacionadas

Classificados