Home » Sociedade » Praia comemora dia do Município: Festival Gamboa arranca hoje

Praia comemora dia do Município: Festival Gamboa arranca hoje

Comemora-se esta sexta-feira, 19, o dia do Município da Praia, e não o aniversário da cidade como muitos se referem a esta data.

A cidade da Praia comemorou os seus 159 anos a 29 de Abril. No dia 29 de Abril de 1858, a até então Vila da Praia é elevada à categoria de cidade. A 19 de Maio, feriado municipal, assinala-se o dia do município. Há uma certa confusão entre estas duas datas.

Comemora-se o 19 de Maio como município da Praia porque, num dia como este, houve um confronto entre a tropa portuguesa e um grupo de munícipes. A confrontação resultou em alguns feridos que foram evacuados para a Guiné-Bissau. A data foi então estabelecida como o dia do município da Praia.

As comemorações começam logo pela manhã desta quinta-feira, com uma Sessão Solene no Auditório Nacional, Jorge Barbosa.

25ª edição do Festival Gamboa arranca hoje

Bob Mascarenhas e Princesito são os escolhidos para fazer o “grande tributo” a Nha Nácia Gomi, homenageada da 25ª edição do Festival de Música da Gamboa, que acontece este fim-de-semana, 19, 20 e 21, na praia de mesmo nome.

Além destes dois artistas, vão subir hoje ao palco, Jennifer Dias, Rapaz 100 Juiz, Loony Johnson e o reggae-man Anthony B, da Jamaica, um dos dois artistas internacionais convidados, que vai fechar a primeira noite do certame.

Para amanhã sábado, 20, há “Cotxi Pó” com o grupo Fidjus de Codé de Dona, segue-se Bulimundo, Djodje, David Brazão, Willy Semedo, Zé Espanhol e o angolano C4Pedro é o responsável para fechar a noite.

O domingo, à semelhança dos anos anteriores, é dedicado a “Gamboinha” e “Gamboa Jovem”. Para a “Gamboinha”, com arranque às 10H30 e término às 19H00, estão agendadas actividades com palhaços, grupos de dança, de flauta e guitarra, magia, actuação de grupos de artistas “mirins”, jogos tradicionais e pintura facial, “pula pula”.

Já para a “Gamboa Jovem” vão estar vários DJ’s no palco, jovens artistas como Hélio Batalha, Hilário Silva, Vacy Chantre, Paulo G, entre outros artistas que vão ter “oportunidade” de apresentarem os seus trabalhos.

O festival está orçado em 20 mil contos e cada bilhete custa 300 escudos por dia.

PartilheTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Email this to someone

Comentário

Classificados