Home » Actualidades » Banco Mundial duplica envelope financeiro para Cabo Verde

Banco Mundial duplica envelope financeiro para Cabo Verde

Primeiro-ministro faz saber que a TACV vai ser reestruturada e privatizada com o apoio do BM.

 

O Banco Mundial (BM) duplicou o envelope financeiro para Cabo Verde para os próximos três anos, passando de 42 milhões para 90 milhões de dólares. Avançou o primeiro-ministro Ulisses Correia e Silva.

“Isto é o resultado de um grande esforço de restauração da confiança junto dessa instituição. Confiança que estava degradada devido à situação em que o governo do PAICV deixou a TACV e suas implicações em termos de riscos para a economia do país”, escreveu Ulisses Correia na sua página do Facebook.

Correia Silva prossegue afirmando que “a TACV era para ser liquidada” e que “todos os dados apontavam para esse caminho”, mas que “devido a esforços deste governo, a empresa vai ser reestruturada e privatizada com o apoio do BM”.

“Isto é o resultado da inversão da tendência de descalabro financeiro em que se encontrava a empresa e de uma estratégia credível de recuperação e de privatização”, finaliza.

GSF

PartilheTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Email this to someone

Comentário

Notícias Relacionadas

Classificados