Home » Actualidades » Tarrafal do Monte Trigo com energia eléctrica 24 horas

Tarrafal do Monte Trigo com energia eléctrica 24 horas

Energia eléctrica durante 24 horas já é uma realidade em Tarrafal de Monte Trigo, Santo Antão. Um sonho que se realiza através do “Serviço Energético Sustentável para povoações rurais Isoladas Mediante Microredes com Energias Renováveis

Energia eléctrica durante 24 horas já é uma realidade em Tarrafal de Monte Trigo, Santo Antão. Um sonho que se realiza através do “Serviço Energético Sustentável para povoações rurais Isoladas Mediante Microredes com Energias Renováveis na ilha de Santo Antão (SESAMER)” visando melhorar as condições de vida das populações.

A partir de agora está garantido à população de Tarrafal de Monte Trigo, o acesso à energia eléctrica de forma ininterrupta durante 24 horas, graças a uma interligação eléctrica concebida em duas etapas, sendo a primeira com um troço Chã de Manuel Lopes-Tarrafal de Monte Trigo de 17,2 km de extensão e um segundo troço Ponte Sul-Chã de Manuel Lopes com 4 km de linha de Média Tensão.

A obra foi levada a cabo no âmbito do projecto “Serviço Energético Sustentável para povoações rurais Isoladas Mediante Micro-redes com Energias Renováveis na ilha de Santo Antão (SESAM-ER),” co-financiado pela  União Europeia  (em  75% através do Programa Energy Fa- cility), pela Câmara  Municipal do Porto  Novo (25%), e executado por um consórcio de em- presas  coordenado  pela Águas de Ponta Preta, Lda. Já o troço Ponte Sul-Chã de Manuel Lopes esteve a cargo da ELECTRA (enquadrado no projecto ORET).

Esta linha eléctrica de Tarrafal de Monte Trigo, cuja interliga- ção foi inaugurada pelo primeiro-ministro, José Maria Neves, na última segunda-feira (30) de Março, vai ser integrada no sis- tema  eléctrico de Santo Antão pela ELECTRA, concessionária do transporte e distribuição de energia eléctrica. Essa unificação visa aumentar a eficiência e cobertura  eléctrica  e, ainda, permitir uma maior penetração das energias renováveis na Ilha.

Novas condições de vida

Dentro   desse   projecto   le- vou-se a cabo uma acção complementar que consistiu na realização de uma rede de distribuição  de  energia  em  baixa tensão  em São Tomé (localidade  atravessada  pela  linha de média tensão para Tarrafal de Monte Trigo) com cerca de 1 km. Foi instalada, paralelamente, 12 candeeiros de iluminação pública, bem como baixadas para as habitações.

O projecto SESAM-ER já tinha implementado  em Monte Trigo, em Fevereiro de 2012, o primeiro sistema  eléctrico autónomo do país com recurso a geração 100% renovável,  tendo  produzido,  desde então,  cerca de 92 MWh, poupando  a combustão de 27.000 lt de gasóleo no velho  gerador  diésel  e  evitando a emissão  de 80 toneladas  de CO2.

A implementação da  linha de  média  tensão  Ponte  Sul– Chã de Manuel Lopes-Tarrafal de Monte Trigo completa o projecto  SESAM-ER,  diminuindo o  isolamento   das  comunidades de Monte Trigo e Tarrafal de Monte Trigo. As condições de vida dos seus 1.200 habitantes  melhorou  com  a  garantia de continuidade do serviço de abastecimento de  electricida- de. Até bem pouco tempo, esses habitantes tinham  acesso à energia eléctrica por meio de uma  rede aérea  de baixa tensão  alimentada   por  uma  micro-central de 100 kVA que funcionava, em média, 7 horas por dia (entre as 12:00 h e as 14:00 h e entre as 18:00 h e as 23:00 h). Essa micro-central consumia diariamente  cerca de 80 litros de gasóleo

PartilheTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Email this to someone

Comentário

Publicidade