Home » Cultura » Maestro Caboverdiano Carlos Matos acompanha grupo de tango á china

Maestro Caboverdiano Carlos Matos acompanha grupo de tango á china

Carlos Matos, maestro de profissão e que integra agora a recém criada Orquestra Nacional de Cabo Verde, foi convidado para acompanhar o Tango Extreme para uma série de concertos com duração de 10 dias à China.

Carlos Matos, maestro de profissão e que integra agora a recém criada Orquestra Nacional de Cabo Verde, foi convidado para acompanhar o Tango Extreme para uma série de concertos com duração de 10 dias à China.

Carlos Matos é o único cabo-verdiano a integrar o grupo e acompanhado do seu piano, o instrumento preferido, irá participar numa homenagem a grandes maestros da música clássica como Rachmaninov, Bizet, Handel e do tango como Piazzolla, Matos Rodriguez, Pedro Laurenz, Scarpino, Cardarella, Mariano Mores, e ainda das canções francesas  como Jacques Brel, Jean Ferrat, entre outros.

O grupo tem 10 concertos marcados, e o ponta pé de saída acontece a 30 de Outubro e irá passar por Hangzhou, Jiaxin, Zhoushan, Shaoxin, Zhuji, Huzhou, Fuzhou, Changsha, Wuhan e Shenzheng.

Entretanto, de acordo com o maestro Carlos Matos, esse grupo de tango planeia, num futuro próximo, fazer uma passagem por África, Cabo Verde, inclusive, para mostrar o repertório apresentado na China. CG

PartilheTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Email this to someone

Comentário

Publicidade